Grupo de Trabalho em Desenvolvimento e Meio Ambiente nas Américas


Pagina do Grupo de Trabalho | Textos para Discussão | Eventos e Cobertura da Imprensa Membros
| Inglês | Espanhol | GDAE Programa de Globalização

O Grupo de Trabalho em Desenvolvimento e Meio-Ambiente nas Américas, fundado em 2004, reúne pesquisadores de diversos países das Américas que têm desenvolvido estudos sobre os impactos sociais e ambientais da liberalização econômica. O objetivo do Grupo de Trabalho é contribuir, por meio da pesquisas  empíricas e de análise de políticas públicas, para o debate atual  sobre estratégias de desenvolvimento econômico e comércio internacional. A reunião inaugural do Grupo de Trabalho ocorreu em Brasília, nos dias 29-30 de Março de 2004.


Investimento Direto e Desenvolvimento Sustentável: Lição das Américas

O Segundo relatório de pesquisa do Grupo de Trabalho apresenta uma ampla revisão dos impactos da liberalização do investimento estrangeiro na América Latina. O relatório mostra que o investimento direto estrangeiro não teve a capacidade de estimular um crescimento econômico amplo e promover a proteção ambiental na região. O relatório recomenda que sejam implementadas políticas regionais e nacionais voltadas para melhorar as capacitações das firmas, e que o “espaço de política” para sua implementação seja acomodada em tratados  de investimentos bilaterais, regionais e globais.

O relatório de 50 páginas foi publicado pelo GDAE, com a Fundação Heinrich Böll,  o Centro Frederick Pardee para Estudos de Longo Prazo da Universidade de Boston, o Centro de Estudos para a Transformação (CENIT) da Argentina, o Núcleo de Economia Industrial e da Tecnologia (NEIT) do Instituto de Economia da UNICAMP, e o Sistema de Pesquisas e Informações para Países em Desenvolvimento da Índia. Um sumário executivo, resumos dos dez estudos de países e recomendações de política estão disponíveis em inglês, com traduções em Espanhol e Português. Os textos completos que deram origem ao relatório estão disponíveis como textos para discussão do Grupo de Trabalho, através dos links abaixo.

Download do Relatório de Política (PDF)

Download do Relatório de Política (Espanhol) (PDF)
Download do Sumário Executivo (Espanhol) (PDF)

Para eventos e cobertura da imprensa desse relatório, clique aqui

Textos para Discussão
Veja o Série de Documentos para Debate

“Is Foreign Investment Always Good for Development?” Manuel R. Agosin. Working Group Discussion Paper DP09, April 2008. Download.

“Foreign Direct Investment and Transnational Corporations in Brazil: Recent Trends and Impacts on Economic Development,”
Celio Hiratuka. Working Group Discussion Paper DP10, April 2008. Download.

“The Impact of Foreign Direct Investment in Mexico,”
Enrique Dussel Peters. Working Group Discussion Paper DP11, April 2008. Download.

“Foreign Investment and Sustainable Development in Argentina,” Daniel Chudnovsky, Andrés López. Working Group Discussion Paper DP12, April 2008. Download.

“Foreign Investment and Economic Development in Costa Rica: The Unrealized Potential,” Jose Cordero, Eva Paus. Working Group Discussion Paper DP13, April 2008. Download.

“Foreign Direct Investment, International Rules and Sustainable Development: Some preliminary lessons from the Uruguayan pulp mills case,” Martina Chidiak. Working Group Discussion Paper DP14, April 2008. Download.

“Effects of Foreign Investment versus Domestic Investment on the Forestry Sector in Latin America (Chile and Brazil) -Demystifying FDI effects related to the Environment,” Nicola Borregaard, Annie Dufey, Lucy Winchester. Working Group Discussion Paper DP15, April 2008. Download.

“Natural Resources & Foreign Investors: A tale of three Andean countries,” Leonardo Stanley. Working Group Discussion Paper DP16, April 2008. Download .

“Beyond Pollution Haloes:  The Environmental Effects of FDI in the Pulp and Paper and Petrochemicals Sectors in Brazil,” Luciana Togeiro de Almeida, Sueila dos Santos Rocha. Working Group Discussion Paper DP17, April 2008. Download.

“FDI Spillovers and Sustainable Industrial Development: Evidence from U.S. Firms in Mexico’s Silicon Valley,” Lyuba Zarsky, Kevin Gallagher. Working Group Discussion Paper DP18, April 2008. Download.

Justice Denied: Dispute Settlement in Latin America's Trade and Investment Agreements,” Michael Mortimore, Leonardo Stanley. Working Group Discussion Paper DP27, October 2009. Download paper.

Don´t Expect Apples From a Pear Tree: Foreign Direct Investment and Innovation in Mexico” Enrique Dussel Peters. Working Group Discussion Paper DP28, November 2009. Download paper.


Membros do Grupo de Trabalho:

Manuel R. Agosin
Especialista em Economia Internacional e Macroeconomia. Atualmente é professor do Departamento de Economia da Universidade do Chile, função que ocupa desde 1992.  Também trabalha regularmente  para o Banco Interamericano de Desenvolvimento como consultor. Entre 2001 e o início de 2006 foi Economista Chefe para a América Central, República Dominicana, México e Haiti no BID em Washington. Obteve seu Ph.D na Universidade de Columbia. Tem atuado como conselheiro econômico em vários governos da América Latina e consultor das Nações Unidas e Instituições Financeiras Internacionais. Possui vários livros publicados em Espanhol e Inglês e é autor de diversos artigos publicados em revistas internacionais.

Martina Chidiak
Economista Argentina, com especial interessse e formação em Economia Industrial e Ambiental. Graduada pela Universidade de Buenos Aires, Mestre pela University College de Londres e Doutora  pela Ecole des Mines de Paris. Sua experiência de pesquisa tem sido focada principalmente em mudanças climáticas, Estratégias ambientais das firmas, parcerias público-privados (acordos voluntários) e questões ambientais relacionadas ao comércio internacional. Exerceu atividades como consultora de organizações internacionais (como a CEPAL, GTZ e JICA) e organizações governamentais (Comissão Européia, ADEME, França e Secretaria do Meio Ambiente, Argentina) Desde 2007 trabalha como consultora independente e professora de Economia Ambiental na Universidade de Buenos Aires.

Daniel Chudnovsky
Daniel Chudnovsky (1944-2007) foi diretor do Centro de Estudos para a Transformação (CENIT) e Professora na Universidade de San Andrés. Trabalhou como economias para a UNCTAD em Genebra, Suíça, e como o primeiro diretor do Centro de Economia Internacional de Buenos Aires. Foi diretor do CENIT desde sua fundação. Coordenou diversos projetos de pesquisa e foi consultor da CEPAL, UNCTAD, UNIDO, IADB, INTAL, Banco Mundial, IDRC, Centro de Desenvolvimento da OCDE e Nações Unidas. Foi professor titular da Universidade de San Andrés, onde ensinava Desenvolvimento Econômico, Economia Internacional e Inovações Tecnológicas em programas de graduação e pós-graduação.

Andrés López
Andrés Lopez atualmente é Diretor do Centro de Estudos para a Transformação (CENIT), onde trabalha desde 1991. Tem sido consultor de várias instituições internacionais como a CEPAL, UNCTAD, IADB, INTAL, IDRC, WIPO, JICA e Nações Unidas. Também é professor associado na Universidade de Buenos Aires, onde dá aulas em curso de graduação e pós-graduação. Além disso, é professor da FLACSO em programas de graduação e pós-graduação na Universidade de San Andrés e General Sarmiento.

Jose Cordero
Jose Antonio Cordero é professor de economia na Universidade da Costa Rica, onde foi diretor do departamento de economia de 2001 a 2005. Atualmente e professor visitante na  Mount Holyoke College.

Eva Paus
Eva Paus é professora de economia e diretora do McCulloch Center for Global Initiatives no  Mount Holyoke College, Massachusetts, USA. Tem várias publicações em diferentes aspectos da globalização e desenvolvimento. Suas mais recentes publicações incluem Global Capitalism Unbound: Winners and Losers from Offshore Outsourcing (Palgrave Macmillan, 2007), e Foreign Investment, Development, and Globalization. Can Costa Rica Become Ireland? (Palgrave Macmillan 2005, University of Costa Rica Press, 2007). Seu projeto de pesquisa atual foca nas implicações daChina para o desenvolvimento de outros países em desenvolvimento e no dilema para o espaço de política pró-ativas de desenvolvimento dentro do atual contexto de acordos de comércio bilaterais e multilaterais, e o papel do investimento direto estrangeiro no desenvolvimento dos países recém ingressados na União Européia.
http://www.mtholyoke.edu/~epaus

Nicola Borregaard
Nicola Borregaard é PhD em Economia Territorial pela Universidade de Cambridge e Mestre em Economia pela SUNY, em Albany. Criou a Unidade de Economia Ambiental na Comissão Nacional de Meio Ambiente no Chile, foi Diretora Executiva do Centro Pesquisas e Planejamento do Meio Ambiente e uma das fundadoras do RIDES. Entre 2004 e 2006 foi assessora do Ministério da Economia do Chile e entre 2006 e 2008 foi Diretora do Programa Nacional de Eficência Energética do governo chileno. É autora de diversas publicações na área de economia ambiental.

Annie Dufey
Annie Dufey é pesquisadora associada do Programa de Economia Ambiental no Instituto Internacional para o Meio Ambiente e Desenvolvimento em Londres. Ela lidera o programa “Comércio, Recursos Naturais e Pobreza” neste instituto e contribui para o programa Investimento Direto e Desenvolvimento Sustentával. Trabalhou no Chile com a RIDES e a CIPMA em questões relacionadas a comércio e desenvolvimento sustentável. Também trabalhou com a Gemine Consultores, uma grande companhia de consultoria chilena em um grande número de estudos setoriais sobre questões ambientais. É economista pela Universidade do Chile e Meste em Meio Ambiente, Desenvolvimento e Política, pela Universidade de Sussex.

Lucy Winchester
Economista agrícola (MA, Michigan State University, USA), atualmente é consultora independente em desenvolvimento sustentável no Chile e América Latina. Anteriormente foi especialista da divisão de Desenvolvimento Sustentavel e Questões Humanas da CEPAL e Pesquisadora do Centro de Estudos Sociais e Educação do Chile. É especialista em avaliação de políticas públicas e programas em políticas sociais, urbanas e desenvolvimento municipal.

Leonardo Stanley
Economista da Escola de Economia e Ciências Sociais, Universidad de Mar del Plata. Programa de Teoría Económica, Instituto de Desarrollo Económico y Social, Buenos Aires (1992 - 1993). Mestre em Ciências e Econômicas, Queen Mary & Westfield, Universidade de Londres (1994 - 1995). Pesquisador Visitante no Departamento de Economia do CEDES. é professor de programas de graduação e pós-graduação em várias universidades.

Enrique Dussel Peters
Enrique Dussel Peters, Mestre em Ciência Política pela Universidade Livre de Berlim e Doutor em Economia pela Universidade de Notre Dame. Desde 1993 trabalha como professor da Escola de Economia da Universidade Autônoma do México (UNAM). Tem lecionado em mais de 90 cursos nos níveis de graduação, mestrado e doutorado no México e em Instituições Internacionais. Participou em mais de 260 seminários e conferências nacionais e internacionais. Sua pesquisa tem se concentrada na área de organização industrial, padrões de especialização comercial no México e na América Latina. Colaborou e coordenou projetos com a UNAM, CEPAL, ILO, BID e Fundação Ford.

Luciana Togeiro de Almeida
Luciana Togeiro de Almeida é atualmente professora visitante no GDAE. Foi presidente da Sociedade Brasileira de Economia Ecológica (ECOECO) e atualmente é membro da do conselho da ECOECO e da ISEE. Obteve seu doutorado em economia na UNICAMP e é professora do Departamento de Economia da UNESP, Araraquara. Atualmente leciona Economia do Meio Ambiente, Economia Internacional Desenvolvimento Sócio-Econômico e Comércio Internacional e Desenvolvimento Sustentável. Atualmente, sua area de pesquisa foca nas questões ambientais dentro da OMC e no Mercosul. Seu livro mais recente inclui Globalization and the Environment: Lessons from the Americas (editado com Kevin P. Gallagher and Hernan Blanco), e tem publicações em várias revistas na área de comércio e desenvolvimento sustentável. Além disso, tem atuado como consultora do Ministério do Meio Ambiente do Brasil e de várias Organizaçõs Não Governamentais.

Celio Hiratuka
Celio Hiratuka é doutor em economia pelo Instituto de Economia da UNICAMP, Brasil. Sua area de interesse principal é economia internacional, política industrial e desenvolvimento econômico. Atualmente é professor do Instituto de Economia da UNICAMP e coordenador do Núcleo de Economia Industrial e da Tecnologia (NEIT) na mesma instituição. Seus trabalhos recentes analisam os impactos das empresas estrangeiras e do investimento direto estrangeiro no desenvolvimento econômico brasileiro. Também é membro da Rede Mercosul de Pesquisas, instituição que envolve doze instituições de pesquisa com grande experiência na análise do processo de integração do Mercosul. Possui publicações em várias revistas e livros sobre investimento direto e atuação das empresas multinacionais no Brasil.

Lyuba Zarsky
Lyuba Zarsky é professora associada de política ambiental internacional no Instituto de Estudos Internacional de Monterey e Pesquisadora Senior do programa Globalização e Desenvolvimento Sustentável do GDAE. Foi diretora do Programa de Globalização e Governaça no Instituto Nautilus para Segurança e Sustentabilidade em Berkeley, California. Tem escrito sobre comércio e investimentos globais, contabilidade corporativa e desenvolvimento econômico, incluindo os livros recentes Human Rights and the Environment: Conflicts and Norms in a Globalizing WorldBeyond Good Deeds: Case Studies e A New Policy Agenda for Corporate Accountability. Além disso, é consultora de várias organziações internacionais, incluindo a Diretoria de Meio Ambiente da OCDE, WWF e Banco de Desenvolvimento Asiático.

Kevin P. Gallagher
Kevin P. Gallagher é professor assistente de relações internacionais na Universidade de Boston, onde dirige o Programa de Desenvolvimento e Governança Global, no Centro de Relações Internacionais. É autor de The Enclave Economy: Foreign Investment and Sustainable Development in Mexico’s Silicon Valley (com Lyuba Zarsky), e Free Trade and the Environment: Mexico, NAFTA, and Beyond,  além de numerosos artigos, relatórios e artigos de opinião em política comercial, desenvolvimento e meio-ambiente. É editor ou co-editor de vários livros, incluindo  Putting Development First: the Importance of Policy Space in the WTO and IFIs, International Trade and Sustainable Development. É também pesquisador associado no Instituto de Desenvolvimento Global e Ambiental da Fletcher School of Law and Diplomacy e  Tufts University, pesquisador associado no Sistema de Pesquisas e Informações para países em desenvolvimento da Índia, em Delhi e membro do Fórum Futuro US-México.

Roberto Porzecanski
Roberto Porzecanski é Doutorando na Fletcher School of Law and Diplomacy, e Pesquisador Associado no Instituto de Desenvolvimento Global e Ambiental, na Universidade de Tufts.


Esta web page está hospedada pelo Grupo de Trabalho em Desenvolvimento e Meio Ambiente na Universidade de Tufts, um dos patrocinadores do Grupo..
Veja GDAE Web Site
Veja GDAE's Globalization and Sustainable Development Program

Back to Top